segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Eduardo - Atendendo a Pedidos


O percurso etimológico de Eduardo é muito simples. Derivou de Edward, um nome inglês muito antigo, que por sua vez era a junção dos elementos ead (riqueza, fortuna) e weard (guarda). O seu significado, "guarda rico", facilmente evolui para "protecção" e "prosperidade", características agradáveis que tornam Eduardo ainda mais bonito! Eduardo é assim a forma portuguesa e espanhola de Edward, mas não é a única; Duarte partilha essa mesma origem e, por isso, o mesmo significado. 

Eduardo tornou-se uma escolha frequente para bebés rapazes graças à figura de Santo Eduardo, o Confessor, penúltimo rei de Inglaterra que reinou entre 1042 e 1066. Este rei era conhecido e bastante admirado pela sua forma justa de governar, e por isso o seu nome foi sempre comum em solos ingleses e estrangeiros. 

Eduardo sempre foi um nome popular entre os portugueses, tendo-se destacado principalmente entre 1950 e 1970, quando atingiu à volta de 600 registos. Hoje em dia o número de bebés chamados Eduardo não é tão elevado como nessas décadas, mas ainda assim os registos são generosos: 379 em 2012 (35º), 323 em 2013 (37º), 306 em 2014 (37º) e 334 em 2015 (38º) - entre parênteses estão as posições ocupadas no ranking

No que toca a compostos registados em 2014 encontramos vários, tanto com Eduardo na primeira posição como na segunda. Alguns exemplos são Eduardo Miguel (22), o mais usado, e outros como Eduardo Filipe (14), Eduardo José (14), Eduardo Luís (6), Eduardo Manuel (5), Eduardo Dinis (3), Eduardo António (1), Eduardo Alberto (1) e Eduardo Gil (1). Confesso que achei estes dois últimos compostos bastante originais, e gostei de Eduardo Gil, tão querido! Como segundo nome também encontramos vários compostos, mas vou apenas destacar José Eduardo (8), o famoso Carlos Eduardo (6), Afonso Eduardo (3), Vasco Eduardo (2), Simão Eduardo, Joaquim Eduardo (1) e Aron Eduardo (1). Mais uma vez, os dois últimos compostos tiveram a minha especial atenção e adorei ambos! 

Também no Brasil Eduardo ocupa boas posições! Em 2015, por exemplo, teve 2790 registos só no Estado de São Paulo, tendo sido o 50º nome mais usado em rapazes. A variante Edward também contou com alguns registos, muito menos, é verdade, mas ainda assim relevantes: 43. 

Uma leitora pediu-nos que sugeríssemos nomes para o mano do seu pequeno Eduardo.  Acho que com um nome popular o par fica mais harmonioso, no entanto também é possível formar pares bonitos com nomes menos usados. 

Com um nome popular: 
Eduardo & Afonso 
Eduardo & Alexandre 
Eduardo & António
Eduardo & Daniel 
Eduardo & Gonçalo
Eduardo & Gustavo 
Eduardo & Guilherme 
Eduardo & Henrique
Eduardo & Lourenço 
Eduardo & Manuel 
Eduardo & Martim
Eduardo & Mateus 

Eduardo & Rodrigo
Eduardo & Salvador
Eduardo & Samuel 
Eduardo & Sebastião 
Eduardo & Simão 
Eduardo & Tomás 
Eduardo & Vicente
Eduardo & Vasco 
Eduardo & Xavier 


Com um nome menos usado: 
Eduardo & Álvaro 
Eduardo & Amadeu
Eduardo & Augusto
Eduardo & Baltasar
Eduardo & Benjamim
Eduardo & Caetano 
Eduardo & Fernando
Eduardo & Frederico
Eduardo & Gaspar 
Eduardo & Heitor
Eduardo & Jacinto 
Eduardo & Joaquim 
Eduardo & Romeu 
Eduardo & Sancho 
Eduardo & Serafim
Eduardo & Teodoro
Eduardo & Valentim
Eduardo & Viriato
Eduardo & Vitório 


Acho que Eduardo tem potencial para ser ainda mais usado, tanto pelos portugueses como pelos brasileiros. É bonito, clássico, forte, elegante, internacional e tem um significado inspirador! 

O que acham de Eduardo? Que pares para irmãos preferem? 

9 comentários:

  1. Desde que pequena que odeio esse nome e ainda pior a versão feminina

    ResponderEliminar
  2. os pares que gostei mais:
    Eduardo & Gustavo
    Eduardo & Henrique
    Eduardo & Salvador
    Eduardo & Vicente
    Eduardo & Frederico

    ResponderEliminar
  3. Acho Eduardo uma escolha sempre segura. É um nome muito bonito e carismático. Uma de suas características é gerar muitos apelidos como Edu, Dudu e Duda, por expl, por isso acho que os melhores pares são aqueles que também têm apelidos(e que sejam clássicos atemporais como Eduardo):
    Eduardo & Guilherme(Edu e Gui);
    Eduardo & Alexandre(Edu e Alê);
    Eduardo & Fernando(Edu e Nando);
    Eduardo & Henrique(Edu e Rique);
    Eduardo & Frederico(Edu e Fred).

    ResponderEliminar
  4. Eu adoro Eduardo, é o segundo nome do meu pai. É um nome bonito, carismático e elegante.
    Como já foi dito, é uma escolha segura, assim como Rafael.

    As duplas que mais gostei foram ( os com o ponto são os que usaria):

    Eduardo e Mateus •
    Eduardo e Alexandre
    Eduardo e Caetano •
    Eduardo e Vitório •
    Eduardo e Frederico
    Eduardo e Rodrigo

    ResponderEliminar
  5. Desde já obrigada pelo post. Por aqui já se tinha chegado a uma dupla de manos, mas não deixou de ser bom ler.

    Ficou Eduardo&Henrique

    Obrigada ;)

    ResponderEliminar
  6. É um nome interessante, embora extremamente popular no Brasil, ele ainda se constitui em uma daquelas escolhas seguras -só que sem graça - de quem não quer errar, ser criticado ou gerar insatisfações a respeito do nome escolhido. Mas ainda assim, é apagadinho.

    ResponderEliminar
  7. É um bom nome.
    Meus pares preferidos:
    Eduardo & Alexandre
    Eduardo & Gonçalo
    Eduardo & Salvador
    Eduardo & Sebastião
    Eduardo & Simão
    Eduardo & Álvaro
    Eduardo & Amadeu
    Eduardo & Augusto
    Eduardo & Baltasar
    Eduardo & Benjamim
    Eduardo & Caetano
    Eduardo & Gaspar
    Eduardo & Serafim
    Eduardo & Teodoro
    Eduardo & Valentim
    Eduardo & Viriato

    ResponderEliminar
  8. Gosto muito de Eduardo. Quanto a pares gostei de muitos já sugeridos, acho um nome relativamente fácil de fazer par. Simples e elegante.

    ResponderEliminar
  9. Obrigada pelas sugestões, é muito difícil escolher...

    ResponderEliminar